ACOMPANHE📺

UTIs de sete hospitais estão lotadas com pacientes de covid; Nova Mutum está com 60% de ocupação

A crescente de casos de covid-19, associada à diminuição no ritmo de vacinação contra o vírus, já resultou na lotação das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) de sete hospitais de Mato Grosso. Outras duas unidades também estão em alerta.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), atualmente há apenas 35 leitos de UTI disponíveis em todo o estado, o que representa 22% dos leitos totais. A maior parte dessas vagas está “espalhada” em municípios do interior, sendo que a menor taxa de ocupação nas unidades médicas é de 40%.

Segundo o painel informativo divulgado nessa quinta-feira (13), na região metropolitana de Cuiabá, estão com as UTIs lotadas o Hospital Estadual Santa Casa, o Hospital Universitário Júlio Muller e o Hospital Estadual Metropolitano, em Várzea Grande.

Juntos, os hospitais disponibilizaram 38 vagas de UTI, sendo que duas delas estão reservadas para retaguarda, ou seja, para caso alguma internação por covid necessite de UTI.

Outras unidades que também já atingiram 100% de ocupação das UTIs são os Hospitais Regionais de Sinop e Peixoto de Azevedo, e os Hospitais Municipais de Barra do Garças e de Querência. Ao todo foram 39 leitos de UTIs destinados à covid-19.

No Hospital do Vale do Guaporé, em Pontes e Lacerda, 90% dos leitos disponibilizados já estão ocupados, ou seja, dos 10 leitos de UTI para covid, resta apenas uma cama disponível.

Outro hospital que está em estado de alerta é a Santa Casa de Rondonópolis, que também possui 10 leitos destinados a casos de covid, sendo que 7 já estão ocupados, ou seja, 70%.

Na Capital, o Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (HMC) disponibilizou 20 leitos para casos de covid. Desses, 14 leitos estão “bloqueados”, outros 4 estão com pacientes internados. Conforme o Estado, há no hospital apenas dois leitos disponíveis, portanto.

Aumento de casos

Segundo o boletim informativo, apenas entre a tarde de quarta-feira (12) e a tarde de quinta-feira (13) foram registrados 2.471 novos casos de covid-19. Apenas nesses 13 primeiros dias de janeiro, conforme o Estado, já foram 11.262 novos diagnósticos e 21 mortes.

Confira o painel informativo divulgado pelo Estado aqui.

Veja abaixo a taxa de ocupação em outros hospitais

Hospital Regional de Nova Mutum – 60% de ocupação

10 vagas totais, seis ocupadas, quatro disponíveis

Hospital Municipal de Juína – 60% de ocupação

10 vagas totais, seis ocupadas, quatro disponíveis

Hospital Regional de Cáceres – 55,6%

10 vagas totais, cinco ocupadas, uma bloqueada, quatro disponíveis

Hospital Municipal de Tangará da Serra – 50% de ocupação

10 vagas totais, cinco ocupadas, cinco disponíveis

Hospital e Maternidade São Lucas (Primavera do Leste) – 40% de ocupação

10 vagas totais, quatro ocupadas, seis disponíveis

Hospital e Maternidade Santa Rita (Várzea Grande) – 40% de ocupação

10 vagas totais, quatro ocupadas, seis disponíveis

Repórter MT

Notícias relacionadas