ACOMPANHE📺

Rotam prende dois homens suspeitos de participarem do assassinato e ocultação de cadáver de empresária

A Polícia Militar, por meio da Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), prendeu dois homens, de 33 e 30 anos, em Várzea Grande, nessa quinta-feira (18), suspeitos de terem participado do assassinato e ocultação de cadáver de Rosimeire Soares Perin, de 52 anos.

O primeiro suspeito, de 33 anos, que faz uso de tornozeleira eletrônica, foi preso dentro de um lava-jato no bairro Vila Artur, em Várzea Grande.

Antes de localizar o acusado, os policiais conseguiram encontrar o HB-20 da empresária, que estava no bairro abandonado.

Com o suspeito, a Rotam localizou a CNH da vítima.

O homem, que não teve a identidade revelada, informou aos policiais onde estava o corpo de Rosimeire, desaparecida depois que saiu de Cuiabá para trabalhar em Várzea Grande desde a última terça-feira (16).

Assine nosso boletim de Noticias

O corpo dela foi localizado às margens da rodovia na Passagem da Conceição, também em Várzea Grande.

O segundo suspeito de participar do crime, de 30 anos, identidade não revelada, foi preso em sua casa, no bairro São Matheus.

A Polícia Militar, por meio da Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), prendeu dois homens, de 33 e 30 anos, em Várzea Grande, nessa quinta-feira (18), suspeitos de terem participado do assassinato e ocultação de cadáver de Rosimeire Soares Perin, de 52 anos.

O primeiro suspeito, de 33 anos, que faz uso de tornozeleira eletrônica, foi preso dentro de um lava-jato no bairro Vila Artur, em Várzea Grande.

Antes de localizar o acusado, os policiais conseguiram encontrar o HB-20 da empresária, que estava no bairro abandonado.

Com o suspeito, a Rotam localizou a CNH da vítima.

O homem, que não teve a identidade revelada, informou aos policiais onde estava o corpo de Rosimeire, desaparecida depois que saiu de Cuiabá para trabalhar em Várzea Grande desde a última terça-feira (16).

O corpo dela foi localizado às margens da rodovia na Passagem da Conceição, também em Várzea Grande.

O segundo suspeito de participar do crime, de 30 anos, identidade não revelada, foi preso em sua casa, no bairro São Matheus.

Leia Também:  Entregador é preso pela PM com maconha em caixa de transporte em VG

Em veículo localizado na residência do acusado, os policiais encontraram dois pacotes de 8kg de cal, que segundo informações do suspeito, seria para jogar sobre o corpo da vítima para acelerar o processo de decomposição e omitir o odor do corpo da vítima.

Os dois foram encaminhados à Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

BEM MT

Notícias relacionadas