Polícia Civil prende preventivamente autor de estupro de vulnerável contra 04 sobrinhas – MEDIO NORTE NOTICIAS
Informações a Todo Momento, de Nova Mutum, Brazil. Site de Noticias de Nova Mutum e Região do Medio Norte Matogrossense. Nova Mutum, Noticias, festas, policia, acidente, cidade, emprego, entretenimento, fotos, economia, agricultura, informação, Mato Grosso, Nova, Mutum, Mato, Grosso, Política, Prefeitura, Câmara, esporte, jovem, tempo, real, bombeiros, rodovia, trânsito, delegacia, Militar, Civil, Prisão, Arma, Fogo, centro oeste, biodiesel, industria, dinheiro, telefone, falecimento, vagas de emprego, vagas, BR-163, Km 600, MT-249, MT-235, Ranchão, Pontal do Marape, ginásio, jogos, escola, qualidade de vida, comercio, empresa, prédio, saúde, hospital, prefeito, vereador, eleição, bombeiros, lago, chafariz, Balada, Danceteria, Show, Fotos, Cobertura de Eventos, Informando Nova Mutum, Região, notícias de Mato Grosso, Lucas do Rio Verde, Sinop, Sorriso, Nova Mutum, Cuiabá e Região, noticias policiais medio norte mt, notícias nova mutum

Polícia Civil prende preventivamente autor de estupro de vulnerável contra 04 sobrinhas

O suspeito oferecia balas, dinheiro e presentes, em troca de poder tocar as partes íntimas das meninas, assim como para praticar relação sexual com elas.

Um homem acusado de abusar sexualmente de quatro sobrinhas menores de idade teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, na quarta-feira (26.09), no município de Colíder (396 km de Nova Mutum).

VEJA TAMBEM:  Aumentos maiores que 4% são margem de lucro e não reajuste de ICMS, diz chefe da Casa Civil

As investigações iniciaram após uma das vítimas denunciar que era abusada pelo suspeito há aproximadamente 12 anos, ocasião em que tinha entre 6 e 7 anos de idade.

Com base nas informações passadas pela vítima (atualmente maior de idade), foram descobertas outras três vítimas de estupro de vulnerável, praticados entre os meses de junho e julho deste ano. As três vítimas também são sobrinhas do suspeito e têm idades entre 6 e 10 anos.

Segundo o delegado de Colíder, Ruy Guilherme Peral da Silva, para praticar as investidas sexuais clandestinas, o suspeito oferecia balas, dinheiro e presentes, em troca de poder tocar as partes íntimas das meninas, assim como para praticar relação sexual com elas. As investigações apontaram que o suspeito manteve conjunção carnal apenas com uma das vítimas, a qual já é maior de idade.

VEJA TAMBEM:  Usina Jaciara fecha acordo de 35 milhões com mais de 1400 trabalhadores

Com base nas apurações, foi representado pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, o qual foi deferido pela Justiça e cumprido na quarta-feira (25) pelos policiais da Delegacia de Colíder. “Para garantir a ordem pública e o bom andamento da instrução criminal, o suspeito responderá pelo preso preventivamente”, disse o delegado.

Assessoria PJC-MT

você pode gostar também
Loading...