PM fecha ‘central de golpes’ e prende 5 pessoas – MEDIO NORTE NOTICIAS
Informações a Todo Momento, de Nova Mutum, Brazil. Site de Noticias de Nova Mutum e Região do Medio Norte Matogrossense. Nova Mutum, Noticias, festas, policia, acidente, cidade, emprego, entretenimento, fotos, economia, agricultura, informação, Mato Grosso, Nova, Mutum, Mato, Grosso, Política, Prefeitura, Câmara, esporte, jovem, tempo, real, bombeiros, rodovia, trânsito, delegacia, Militar, Civil, Prisão, Arma, Fogo, centro oeste, biodiesel, industria, dinheiro, telefone, falecimento, vagas de emprego, vagas, BR-163, Km 600, MT-249, MT-235, Ranchão, Pontal do Marape, ginásio, jogos, escola, qualidade de vida, comercio, empresa, prédio, saúde, hospital, prefeito, vereador, eleição, bombeiros, lago, chafariz, Balada, Danceteria, Show, Fotos, Cobertura de Eventos, Informando Nova Mutum, Região, notícias de Mato Grosso, Lucas do Rio Verde, Sinop, Sorriso, Nova Mutum, Cuiabá e Região, noticias policiais medio norte mt, notícias nova mutum

PM fecha ‘central de golpes’ e prende 5 pessoas

Quatro homens e uma mulher, que estavam na casa, usavam redes sociais e aplicativos de mensagens para se comunicar com as vítimas

No local a polícia apreendeu 10 celulares de diversas marcas, 25 cartões de bancos, duas máquinas de cartão, 7 comprovantes de depósitos, 9 munições de calibre 22 e uma quantia de R$ 7.900. Divulgação/PM

Uma equipe da Rotam prendeu na quarta-feira (15.01) uma mulher e quatro homens suspeitos de estelionato, no bairro Alto do Coxipó, em Cuiabá. Com o grupo foram apreendidos 10 celulares de vários modelos e marcas, 25 cartões de bancos, duas máquinas de cartão, sete comprovantes de depósito, nove munições calibre 22 e R$ 7,9 mil.

VEJA TAMBEM:  Rotam prende 3 suspeitos de tráfico de drogas em Cuiabá; dois já eram foragidos da justiça

De acordo com o boletim de ocorrência, o grupo era monitorado após denúncia, apontando suspeitos e local usado para golpes pela internet. Durante patrulhamento na área, os policiais flagraram um dos suspeitos, que ao perceber a aproximação da viatura entrou em um imóvel, largando munições na calçada. Os militares entraram no imóvel e abordaram os suspeitos.

Um dos suspeitos confessou que o grupo praticava golpes pela internet todos os dias e contou como a ação cirminosa era realizada. Segundo ele, era feito o vasculhamento da página de vendas pela internet e uma nova postagem de venda de produto era escolhida. O vendedor, possível vítima, era contactado com promessa de compra e pedido para que o anúncio fosse retirado da página.

Os suspeitos forjavam o pagamento em terminal bancário, utlizando envelope vazio, e ofereciam o mesmo produto pela metade do preço em um novo anúncio com perfil falso. Uma nova vítima fazia o pagamento, porém ficava sem o produto.

VEJA TAMBEM:  PRF prende homem por porte de arma de fogo em Sinop

Ao ser questionado a respeito das munições deixadas na calçada, um dos suspeitos contou que as levaria para um conhecido que mora em um sitio.

Participe do nosso grupo no Whatsapp clique aqui.

você pode gostar também
Loading...