OAB de Nova Mutum emite nota pública sobre os casos de COVID-19 na Cadeia Pública Municipal

OAB de Nova Mutum-MT tem acompanhado a situação da cadeia pública desde o inicio da Pandemia, e testemunhou os esforços da administração e da Corregedoria da unidade para evitar o contagio dos presos e dos servidores

A 25º Subseção da OAB de Nova Mutum emitiu na tarde desta quarta-feira (05), uma Nota Pública externando sua preocupação com os casos de COVID-19 e com os esforços para fiscalizar e garantir os direitos de todos os presos.

OAB de Nova Mutum-MT tem acompanhado a situação da cadeia pública desde o inicio da Pandemia, e testemunhou os esforços da administração e da Corregedoria da unidade para evitar o contagio dos presos e dos servidores, seja por meio de suspensão das visitas, das famílias, ou até mesmo de advogados, pelo aumento de higienização das celas, aumento no fornecimento de água para os detentos e acréscimo do tempo de banho de sol, dentre outros.

Logo após ser noticiado os primeiros casos de infectados na cadeia pública local, o Diretor da Cadeia Pública, bem como a Juíza da Vara Criminal e Corregedora da Cadeia foram oficializados para informar a atual situação da população carcerária, estado de saúde dos infectados e as medidas preventivas e de tratamento no interior do estabelecimento prisional, em decorrência da pandemia ocasionada pelo vírus causador da doença Covid-19.

Dicas e sugestões podem ser enviadas ao nosso numero de plantão no WhatsappTelegram

Saiba mais: Cadeia Pública de Nova Mutum registra 79 casos confirmados de Covid-19

Ofícios esses que foram de pronto respondidos pela Juíza Corregedora, esclarecendo que atualmente dentre os presos, 79 (setenta e nove) apresentam resultado positivo para Covid-19, e 31 (trinta e um) apresentam resultado negativo, estando isolados os dois grupos dentro da unidade.

VEJA TAMBEM
1 De 307
Assine nosso boletim de Noticias

Dentre os servidores, 10 (dez) apresentaram resultado positivo para a doença, sendo que um deles, lamentavelmente, encontrava-se em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva em Cuiabá/MT, e os demais testaram negativo.

Os testes foram realizados entre os dias 21 e 24/07/2020, os doentes já se encontram na fase final da doença (15 dias), ou seja, estão praticamente curados, o acompanhamento médico diário continua e, obviamente, que, caso alguém apresente agravamento do seu estado de saúde, e haja recomendação médica para o tratamento hospitalar ou domiciliar, serão adotadas todas as medidas necessárias para tanto.

Em 23 de julho, através da Portaria 006/2020/VEP, foi dado início ao procedimento de interdição temporária da Cadeia Pública de Nova Mutum, para vedar a entrada de novos presos na unidade, até que o risco de contaminação de novos ingressos se normalize.

CONFIRA A NOTA NA INTEGRA

CLIQUE PARA BAIXAR

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

banner slide 300X100 (4)
LEIA TAMBEM
Assine nosso boletim de Noticias
Inscreva-se aqui para receber as últimas notícias diretamente em sua caixa de entrada.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento
Comentários
Carregando...