ACOMPANHE📺

Mendes vai se reunir com prefeitos para decidirem sobre medidas restritivas em todo o Estado

O governador Mauro Mendes (DEM) convocou todos os prefeitos dos 141 municípios mato-grossenses para uma reunião online na próxima segunda-feira (01.03), onde deve anunciar medidas mais duras para frear o avanço da Covid-19 no estado. A declaração foi dada pelo chefe do Executivo estadual em um áudio que circula nas redes sociais na noite desta sexta-feira (26.02).

“Temos que tomar uma decisão um pouco diferente do que estávamos fazendo nos últimos meses, quando estava muito sob controle. Lamentavelmente [os números de covid-19] vêm crescendo. O Governo abriu muitas UTIs esse ano, mas nós estamos na capacidade de abrir UTIs porque faltam profissionais”, diz trecho do áudio.

Na fala, o gestor lembrou que a taxa de ocupação dos leitos de UTIs mais que duplicaram essa semana, ultrapassando os 80%, e ressaltou que outros estados, a exemplo da Bahia e o Distrito Federal já adotaram a medida.

Mendes ainda teceu críticas à população que desrespeita as medidas estabelecidas pelo Ministério de Saúde, e aglomeram em bares, casas noturnas e afins e ressaltou que, devido a isso, precisa tomar medidas mais duras.

“Não tem jeito, temos que tomar medidas diferentes. A taxa de ocupação de UTIs ultrapassou os 80% nesta semana. Se todos continuarem levando a vida normal, como se nada tivesse acontecendo, com bares cheios, casas noturnas cheias… tenho todo o respeito do mundo por essas atividades, mas não podemos ter aglomerações. […] Precisamos de medidas um pouco mais duras”, salientou.

Assine nosso boletim de Noticias

Ainda disse que antes da reunião, vai discutir o assunto com a Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça (TJMT), Ministério Público do Estado (MPE) e demais órgaos.

Mais cedo, o Ministério Público Estadual (MPE) entrou com uma ação na justiça para que sejam adotadas medidas mais restritivas em Cuiabá e Várzea Grande. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), já se adiantou e afirmou que espera decisão do órgão pelas próximas 24 horas para anunciar oficialmente o novo decreto.

A 7ª Promotoria de Justiça Cível de Cuiabá requereu ao Poder Judiciário que ordene aos Municípios de Cuiabá e Várzea Grande a adoção, no prazo de 24 horas, mediante publicação de novos decretos, de medidas sanitárias mais restritivas por 14 dias, em conformidade com o Decreto Estadual Nº 522/2020.

Em boletim publicado no final da tarde desta sexta-feira (26.02), a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou 1.525 novas confirmações de casos e 20 mortes em decorrência da Covid-19 nas últimas 24 horas. Com a atualização, Mato Grosso contabiliza 249.969 casos confirmados de coronavírus e  5.767 óbitos, desde o mês de março de 2020.

A taxa de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), exclusivas para pacientes covid-19, em Mato Grosso. Conforme o boletim epidemiológico, oito hospitais já estão com 100% de ocupação e outros dez passam de 70%.

Capital Noticia

Notícias relacionadas