ACOMPANHE📺

Homem é preso com armas e munições durante investigações para apurar morte de funcionário de fazenda

Uma pessoa foi presa em flagrante pela Polícia Civil, durante diligências realizadas nesta quinta-feira (27.07) para apurar a morte do funcionário de uma fazenda em Poconé . Os trabalhos foram realizados na propriedade em que o corpo foi localizado e resultaram na apreensão de três armas de fogo e munições.

O suspeito, de 54 anos, foi autuado em flagrante pelo crime de posse e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e uso permitido, além de ser preso por força de mandado de prisão por tráfico de drogas e contrabando expedido pela Justiça Federal em Goiás.

A comunicação da morte da vítima, Osvaldo Leonalto, de 49 anos, ocorreu no dia 17 de julho, quando outro funcionário procurou a Delegacia de Poconé, relatando que o gerente ficava sozinho na propriedade e há dias não conseguia contato com ele, e após contratar uma aeronave para ir até a fazenda encontrou o corpo da vítima já em estágio de decomposição.

Na ocasião, foi realizado um procedimento especial para resgate do corpo da vítima, uma vez que a propriedade fica em um local de difícil acesso, não sendo possível a chegada por meio terrestre.

Com a identificação da vítima, foi instaurado na Delegacia de Poconé um Auto de Investigação Preliminar (AIP) para apurar a causa morte (uma vez que poderia ser uma morte acidental) e a atuação de possíveis envolvidos no fato. Durante as investigações, a equipe de investigadores da Delegacia de Poconé recebeu informações sobre um homem que morava na propriedade, porém que estava desaparecido.

Assine nosso boletim de Noticias

Com base na apuração, os policiais realizaram diligências nesta quinta-feira (29) e localizaram o suspeito, que foi encontrado com um revólver calibre 38 na cintura, além de dezenas de munições. Em continuidade às buscas, também foram apreendidos com ele um fuzil antigo e uma espingarda calibre 20.

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Poconé, onde foi interrogado pelo delegado Maurício Pereira Maciel e autuado em flagrante po posse e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e uso permitido e posse de munições.

Em checagem no sistema de segurança pública, os policiais também descobriram o mandado de prisão em aberto contra o suspeito, que foi cumprido.

“Estamos no início das investigações para apurar as circunstâncias do que ocorreu na fazenda e o que levou à morte da vítima, assim como identificar possíveis envolvidos. As diligências seguem em andamento até o esclarecimento dos fatos”, disse o delegado.

PJC-MT

Notícias relacionadas