Informação a Todo Momento

Polícias Civil e Militar prendem agente penitenciário acusado de entrar com celulares e drogas em Presídio

Homicida foragido de Sinop é preso pela Polícia Civil em SorrisoUm agente penitenciário, acusado de facilitar a entrada de drogas e aparelhos celulares na Penitenciária Major Eldo de Sá (Mata Grande), teve o mandado de prisão cumprido, na manhã desta terça-feira (19.02), em uma ação conjunta da Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar de Jaciara (144 km ao Sul).

O agente G.O.L., 49, teve o mandado de prisão preventiva decretado pela Vara Criminal de Rondonópolis (212 km ao Sul) acusado dos crimes de tráfico de drogas majorado, favorecimento real e corrupção passiva.

A ordem judicial contra o acusado foi cumprida pelas equipes policiais civis e militares, nesta segunda-feira (19) no município de São Pedro da Cipa, onde estava morando com a esposa. Durante cumprimento do mandado, o suspeito tentou resistir a prisão, mas foi contido pelos policiais.

No dia 31 de outubro de 2018, o agente foi surpreendido pelos próprios colegas de trabalho tentando entrar na penitenciária com aparelhos celulares, porções de entorpecentes e dinheiro. Além da esfera criminal, o agente também possui Processo Administrativo Disciplinar (PAD) pela Secretaria de Estado de Justiça e Diretos Humanos (Sejudh).

Veja Também:

O suspeito, que atualmente está afastado de suas funções, é lotado na Penitenciária Major Eldo de Sá. Ele já trabalhou na Cadeia Pública de Jaciara e no Presídio Agrícola das Palmeiras, em Santo Antonio do Leverger.

O delegado João Paulo Praisner elogiou o emprenho de toda equipe de policiais envolvidos na ação, uma vez que o suspeito é considerado de alta periculosidade.

Assessoria | PJC-MT

você pode gostar também
Loading...