ACOMPANHE📺

Desarticulado esquema de desmatamento ilegal para construção de sítios em Diamantino/MT

Cinco pessoas foram presas na manhã desta quarta-feira (15) após serem apontadas como responsáveis pela exploração ilegal de madeira e loteamento de uma região de mata na fazenda São Paulo, localizada no município de Diamantino (180 km da capital). As áreas desmatadas seriam vendidas como sítios e pesqueiros. Diversas armas foram apreendidas.

Segundo informações, fiscais da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) acionaram a Polícia Militar para averiguar uma denúncia de exploração de madeira ilegal.

Nas proximidades da propriedade, os agentes se depararam com algumas áreas verdes que haviam sido desmatadas e um trator esteira abandonado.

Ao longo da vistoria, várias áreas de vegetação nativa haviam sido desmatadas. No sítio de um dos suspeitos, alguns trabalhadores foram encontrados extraindo madeira ilegalmente. Já na propriedade também foram encontradas áreas de vegetação nativa que haviam sido devastadas.

Em outra propriedade, um homem estava construído uma casa. Ele estava em posse de duas armas de fogo, sendo uma espingarda calibre 20, um revólver prateado, calibre 38 e também diversas munições.

Após alguns instantes, uma caminhonete chegou ao local com quatro ocupantes, com um deles foi encontrado alguns cartuchos de espingarda calibre 32 e dentro da caminhonete foi localizado várias armas de fogo.

Todo o material usado para o desmatamento da vegetação foi apreendido pela Sema, além de três espingardas, dois revolveres, uma caminhonete, um compressor de ar e mais de 66 munições de diversos calibres.

Os suspeitos e todo o material foram encaminhados a Delegacia Judiciária Civil, para as devidas providências.

Jornal Estadão

Notícias relacionadas