ACOMPANHE📺

Com 16 assinaturas, Assembleia criará “CPI do Gás”

O requerimento protocolado pelo deputado estadual Gilberto Cattani (PSL), na Assembleia Legislativa, para a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o alto preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), o popular ‘gás de cozinha’, em Mato Grosso, que atualmente é o mais caro em todo o país, já conta com a assinatura de 16 parlamentares e a investigação deve ser oficialmente instaurada nos próximos dias, conforme o rito da casa de leis.

O deputado, que apresentou o requerimento de abertura da CPI no dia 11 de agosto, passou a semana em diálogo com os 24 parlamentares e conseguiu reunir até mais que os dois terços das assinaturas necessárias, mas como nem todos os deputados estavam trabalhando presencialmente na Assembleia Legislativa, decidiu por já protocolar o documento com apenas os dois terços necessários na presidência da casa de leis, nesta quinta-feira (19).

Folha Max

Assine nosso boletim de Noticias

Notícias relacionadas