Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

SAÚDE

Governo Pedro Taques aumentou orçamento da saúde para os municípios

Governo Pedro Taques aumentou orçamento da saúde para os municípios

CIDADES, DESTAQUES, ECONOMIA, POLÍTICA, SAÚDE, SOCIAL
Cumprindo um compromisso firmado na campanha de 2014, o governador Pedro Taques revogou a lei 9.870 e aumentou os repasses financeiros para os municípios investirem em atenção básica. De R$ 20,5 milhões em 2015, o valor saltou para 56,8 milhões em 2017, um aumento de 177% em três anos. Em 2017 o orçamento da saúde chegou a R$ 1,3 bilhão. O tema foi abordado pelo candidato à reeleição em entrevista nesta semana. “O fortalecimento e modernização da saúde tem sido um dos maiores desafios da nossa gestão, diante da redução dos repasses do governo federal ao setor e da crescente demanda por saúde pública. Foi por isso que revogamos a lei que reduzia pela metade os repasses aos municípios. Com isso, praticamente triplicamos investimentos em atenção primária. Temos um longo caminho para dar o
Nova Mutum: Vereadores pedem construção de Posto de Saúde da Família no bairro Jardim Europa

Nova Mutum: Vereadores pedem construção de Posto de Saúde da Família no bairro Jardim Europa

DESTAQUES, NOVA MUTUM, POLÍTICA, SAÚDE, SOCIAL
Diante da super lotação em algumas unidades, tornando o trabalho dos profissionais da saúde limitados em relação ao atendimento preventivo, os vereadores José da Paixão, Altair Albuquerque e Alexandre Tavares solicitaram do Executivo Municipal, a construção de uma unidade PSF (Posto de Saúde da Família) no bairro Jardim Europa. O pedido foi oficiado através da Indicação nº 165/2018, e justificada pelos proponentes como de grande urgência. A demanda no setor de saúde tem aumentado razoavelmente, mas a estrutura física garantidora do atendimento não avança nas mesmas proporções. A região concentra um relevante número de munícipes, e a unidade de saúde mais próxima é responsável por uma área com grande densidade populacional. No entendimento do autor esta é a alternativa que, de imediat
Após três meses, exames confirmam vírus H3N2 como causa de morte

Após três meses, exames confirmam vírus H3N2 como causa de morte

DESTAQUES, LUCAS DO RIO VERDE, SAÚDE, SORRISO
Três meses após a morte de homem de 40 anos, morador de Lucas do Rio Verde (354 km ao norte de Cuiabá) que passou 12 dias internado, a Secretaria de Saúde do Município confirmou que o óbito foi em decorrência do vírus da gripe H3N2. Também foi confirmado o registro de outra infestação do vírus influenza do tipo H1N1. O paciente morreu no dia 18 de maio depois de ter sido transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Sorriso (420 km ao norte da Capital). Segundo a supervisora de vigilância em saúde, Keli Paludo Fernandes, ele deu entrada no Hospital São Lucas, no dia 6 de maio, com síndrome respiratória aguda grave. Por conta do agravante de sintomas pulmonares houve a suspeita da influenza. Coletas de materiais para análise foram feitas e a partir
Vereadores pedem centro de especialidades e acompanhamento para neonatal

Vereadores pedem centro de especialidades e acompanhamento para neonatal

DESTAQUES, NOVA MUTUM, POLÍTICA, SAÚDE
A necessidade de viabilizar e implantar um centro de especialidade para cuidados especiais na fase de gestação e serviços de acompanhamento e intervenção neonatal precoce em bebês, foi solicitado pelos vereadores Alexandre Tavares e José da Paixão na 24ª Sessão Ordinária (13.08), por meio da Indicação nº 167/2018. Os vereadores justificam que a disponibilidade de uma estrutura e equipe especializada na área obstétrica é um meio de se desenvolver um acompanhamento mais efetivo e prevenir problemas graves que podem ser evitados. Para os autores do pedido, os programas de pré-natal é uma importante ferramenta na manutenção da saúde da mãe e dos bebês, mas ainda é necessário que se tenha a possibilidade de fazer um trabalho diferenciado com as gestantes no período em que fica próximo ao pa
Ministério Público denuncia médico que teria usado estrutura do HRS para fazer lipoaspiração em noiva

Ministério Público denuncia médico que teria usado estrutura do HRS para fazer lipoaspiração em noiva

DESTAQUES, JUSTIÇA, SAÚDE, SORRISO
O Ministério Público Estadual (MPE) entrou com ação contra um médico que usou a estrutura do Hospital Regional de Sorriso, sem autorização, para fazer uma lipoaspiração na noiva dele. Segundo o MPE, o casal pode pagar uma multa de, no mínimo, R$ 100 mil. A liposaspiração foi realizada no mês de maio de 2016, no hospital regional onde o médico de 40 anos trabalhava. Ele teria utilizado uma sala e equipamentos do hospital público, sem seguir o protocolo. A promotora de Justiça Fernanda Pawelec Vieira foi responsável por abrir a ação civil contra o médico. Segundo ela, foi apurado que à época o hospital estava fazendo apenas cirurgias de emergência e não estava realizando cirurgias eletivas. De acordo com o MPE, o médico não colocou a cirurgia no prontuário da paciente. Também foi infor
DIGINET NOTICIAS